segunda-feira, 13 de junho de 2011

Se eu VER o você amanhã ou Se eu VIR você amanhã?

Quando usado no futuro do subjuntivo (precedido de quando ou se), o verbo ver assume a forma vir. Exemplos: Se eu vir o João, o avisarei (e não “se eu ver”). / Se tu vires o João, avisa-o (e não “se tu veres”). / Se vocês virem o João, avisem-no (e não “se vocês verem”). / Se nós virmos o João, o avisaremos (e não “se nós vermos”). / Quando ele me vir, ficará contente (e não “quando ele me ver"). Exemplos da Bíblia: “Quando, pois, virdes que a abominação da desolação, de que falou o profeta Daniel...” (Mt. 24:15). / Se eu não vir o sinal dos cravos em suas mãos e não meter o dedo no lugar dos cravos...” (Jo. 20:25). / “O justo se alegrará quando vir a vingança” (Sl. 58:10b). /Se alguém vir pecar seu irmão, orará, e Deus dará a vida àqueles que não pecarem para morte” (1 Jo. 5:16a). /Se vires em alguma província opressão do pobre e violência em lugar de juízo e da justiça, não te maravilhes de semelhante caso” (Ec. 5:8a).
---
É isso!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Caso tenha alguma pergunta relacionada à Gramática, faça uso desse espaço...