quinta-feira, 16 de junho de 2011

Não confunda MAS com MAIS

Mas é uma conjunção adversativa que equivale a entretanto, todavia, porém, contudo. Exemplos: Leu a Bíblia, mas não entendeu nada. / A proposta era boa, mas não agradou a todos. Exemplos da Bíblia: “Então a mim clamarão, mas eu não responderei; de madrugada me buscarão, mas não me acharão” (Pv. 1:28). / “O choro pode durar uma noite, mas a alegria vem pela manhã” (Sl. 30:5b).
Mais designa aumento, grandeza ou comparação; normalmente opõe-se a menos. Exemplos: Sou o mais miserável dos homens. / João era o discípulo que mais Jesus amava. Exemplo da Bíblia: “Que é o teu amado mais do que outro amado, ó tu, a mais formosa entre as mulheres? que é teu amado mais do que outro amado, que tanto nos conjuraste” (Ct. 5:9).

---
É isso!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Caso tenha alguma pergunta relacionada à Gramática, faça uso desse espaço...