quinta-feira, 16 de junho de 2011

Eu LHE levo ou Eu A levo?

Se o verbo não pedir preposição, o pronome lhe será dispensável, devendo ser substituído por o, os, a, as, de acordo com o caso. O verbo levar, por exemplo, não pede preposição. Portanto o certo é dizer: Eu a levo para casa (e não: “Eu lhe levo para casa”). O mesmo ocorre, por exemplo, com os verbos conhecer, encontrar, esperar e procurar, os quais, por não admitirem preposição, não podem ser usados com o pronome lhe. Exemplos: Eu a conheci na escola (e não: “Eu lhe conheci na escola”). / Eu o encontrarei daqui a pouco (e não: “Eu lhe encontrarei daqui a pouco”). / Eu o espero na porta da escola (e não: “Eu lhe espero na porta da escola”). / Eu o procurei em todos os lugares (e não: “Eu lhe procurei em todo os lugares”). Veja alguns Exemplos da Bíblia: “Eis que ele passa por diante de mim, e não o vejo; e torna a passar perante mim, e não o sinto (Jó. 9:11). / “Senhor, que é o homem, para que o conheças, e o filho do homem, para que o estimes? (Sl. 144:3).
Agora, caso o verbo seja regido por preposição, o pronome lhe (ou lhes) será necessário, substituindo a ele, a eles, a você, a vocês. É o que acontece, por exemplo, com os verbos dar, mostrar, obedecer, pagar, pedir e responder. Exemplos da Bíblia: “Porque lhes dou testemunho de que têm zelo de Deus, mas não com entendimento” (Rm. 10:2). / “Novamente o transportou o diabo a um monte muito alto; e mostrou-lhe todos os reinos do mundo, e a glória deles”. / “Que homem é este, que até os ventos e o mar lhe obedecem? (Mt. 8:27b). / “O Senhor lhe pague segundo as suas obras” (2 Tm. 4:14b). / “E qualquer coisa que lhe pedirmos, dele a receberemos” (1 Jo. 3:22a). / “Ele me invocará, e eu lhe responderei(Sl. 91:15a).

---
É isso!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Caso tenha alguma pergunta relacionada à Gramática, faça uso desse espaço...