quinta-feira, 16 de junho de 2011

ORELHA é a mesma coisa que OUVIDO?

Não obstante estas duas palavras constarem nos dicionários como sinônimas, na prática, a realidade é outra. Ninguém ousaria dizer, por exemplo: “Vou puxar seu ouvido”. Ou: “Vou comer ouvido de porco”. Também não diria: “Quem tem orelhas para ouvir, ouça”. Pedro jamais poderia ter cortado o “ouvido” do servo do sumo sacerdote: “E um deles feriu o servo do sumo sacerdote, e cortou-lhe a orelha direita” (Lc. 22:50). Note-se que as palavras sempre penetram nos ouvidos, nunca nas orelhas. Exemplo da Bíblia: “Porventura o ouvido não provará as palavras, como o paladar prova as comidas?” (Jó 12:11).

---
É isso!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Caso tenha alguma pergunta relacionada à Gramática, faça uso desse espaço...